ELAS & O PROFESSOR – ELISABETH TINOCO

A entrevista de Julho de 2017, com a simpática Elisabeth Tinoco é dedicada ao meu amor supremo, a vascaína Úrsulla Rocha.

 

ELISABETH DA SILVA TINOCO, solteira, 37 anos, auxiliar administrativo em escritório de contabilidade, do signo de aries, mãe da pequena Sophia (de 8 anos), moradora do Município de São Gonçalo, amoriscada pelo Vasco da Gama a ponto de defender o nome do clube em calorosas pelejas diante das amigas, cortando inclusive, relações em breves momentos.

 

Entre os atuais pré-candidatos à presidência do Vasco da Gama em qual você votaria?

Eu não acompanho essa parte política do clube. Me ligo mais na parte operacional do futebol.

 

Você acha que a atual gestão está desenvolvendo um trabalho satisfatório?

Com certeza não. Os exemplos vêm de cima. Como o time pode fazer um bom trabalho se não vê algo que o motive? (ainda completou) O time até tem garra, mas…

 

Diante da revelação Paulinho, do meia Douglas recém vendido e tantos outros, é importante investir na base? 

É sim, pois a garotada vem para somar. Não tem estrelismo.

 

Qual o melhor atleta do atual plantel?

Martin Silva, porque já salvou o Vasco muitas vezes.

 

A tese: a melhor defesa é o ataque, funciona?

Funciona. Pois quando sai atacando deixa o adversário acuado. Exemplo disso é quando se dá o primeiro tapa em vias de fato.

 

O Cruzmaltino precisa de um Centro de Treinamento High-tech?

Não, São Januário é suficiente.

 

Em qual colocação na tabela de classificação o Gigante da Colina ficará ao término do Campeonato Brasileiro?

Espero que não seja rebaixado. Há uma combinação de falta de sorte aliada a má-fé contra o Vasco. A arbitragem não é confiável, principalmente em partidas contra o Flamengo.

 

Está gostando da filosofia do Milton Mendes?

Ele não é treinador para o Vasco. Um clube de massa precisa de um técnico renomado.

 

Quem foi melhor, Edmundo ou Romário?    

Edmundo, embora goste do Romário também.

 

O que te fez torcer para o Machão da Gama?

Meu pai, Ele foi o meu maior incentivador.

 

Você é mais anti-flamenguista do que vascaína?

Me considero mais vascaína, ainda que o lado anti-flamenguista seja forte.

 

O arqueiro é uma peça fundamental?

É. Vide o nosso goleiro Martin (Silva) que faz um ótimo trabalho. O ataque pode ser ótimo, mas se a defesa falhar não teremos os pontos necessários em um jogo. Em um esquema tático e técnico cada fração tem suma importância.

 

O Vasco deveria realizar Fóruns, Congressos e Seminários a fim de apresentar ações sociais inerentes a imagem do clube, bem como de cunho educacional?

Seria legal para os leigos. Quem acompanha o dia a dia do clube sabe tudo o que acontece.

 

O que você conhece do Colégio Vasco da Gama?   

Não conheço, mas afirmo que estudo é muito importante. Não basta o jogador apresentar um bom futebol. É preciso falar, pensar e entender o esporte.

 

FOTOGRAFIAS: REGIANE VIEIRA

Você pode querer ler...

About the Author

Prof. Luiz Carlos Rocha
O Prof. Luiz Carlos Rocha é o Jornalista responsável pelo Webvasco.com (26153 MTB/RJ) com pós-graduação em jornalismo esportivo, além de ser Fotógrafo profissional. Entre sua vasta experiência profissional, estão a Revista Amiga e o Jornal dos Sports. Você pode encontrá-lo no Facebook clicando aqui!