ELAS & O PROFESSOR – NORMA D`AVILA

2 min leitura

ELAS & O PROFESSOR

POR LUIZ CARLOS ROCHA

 

A entrevista de maio de 2020, com Norma Suely D’avila Cordeiro, é dedicada à uma vascaína fanática e linda, Úrsulla Rocha, meu maior tesouro.

NORMA D’AVILA, é casada com Ézio, capixaba, natural de Cachoeiro de Itapemirim/ES, têm 64 anos, moradora do bairro de Inoã, Maricá/RJ. É Dona de Casa, mãe de 4 lindas filhas: Adriana, Fabiana, Carla e Priscila, é avó de 6 netos: Matheus, Gabriel, Igor, Caio, Yasmin e Lara (chegando em outubro mais um, Lucas), do signo de peixes, sua cor predileta é o azul, Seu hobby é assistir ótimos programas de TV, adora músicas dos anos 60, e curte seu cãozinho. Seu prato preferido é o strogonoff, e para acompanhar curte uma cervejinha ou um vinho de boa qualidade.

Roberto Dinamite poderia ter tido uma oportunidade melhor na Seleção Brasileira?

Poderia ter tido, mas não teve.

Você gosta quando jogadores do Vasco da Gama são convocados para vestir a Amarelinha?

Gosto.

 

Philippe Coutinho é um legítimo representante cruzmaltino com a camisa Canarinho?

Sim. Continua representando a nossa camisa também.

Qual atleta do Gigante da Colina, de todos os tempos, que mais lhe empolgou?

Marta (Marta Vieira da Silva).

Dener (Dener Augusto de Sousa, falecido em abril de 1994) foi o maior meia que já atuou pelo Clube de São Januário?

Não. Dener, foi emprestado por três meses ao clube gaúcho, onde foi. Parte da renda das vendas será destinada à família do meia.

Você se acha uma vascaína fanática?

Me acho.

Qual a sua maior alegria em termo de Vasco?

Quando está em campo ganhando.

Se não fosse torcedora do Vasco da Gama, para qual outro time torceria?

Fluminense

Você é a favor das Torcidas Organizadas?

Sou.

Que tipo de conselho você daria para o treinador Ramon Menezes para estrear com o pé direito?

Entrar em campo com o pé direito.

  

Qual jogo do Cruzmaltino mais te decepcionou?

O Vasco continuou com mais volume de jogo e criou, enquanto o Resende tentou. O melhor – Jhon Cley – ganhou a titularidade de Doriva (treinador da época) e não decepcionou. O problema do jogo foi que Doriva povoou o meio de campo cruzmaltino com jogadores, e não surtiu efeito algum.

Quem são os vascaínos da sua família?

Eu e meu genro

 

FOTOGRAFIAS FORNECIDAS PELA ENTREVISTADA.

Faça seu comentário aqui!


(passe o mouse sobre cada um dos ícones abaxio para escolher a melhor opção para escrever)

Deixe um comentário!

Copyright © Todos os direitos reservados. | Newsphere by AF themes.