DECÁLOGO PARA POSTULAR A PRESIDÊNCIA DO VASCO

2 min leitura

Em tempos de grandes controvérsias, dificuldades e desentendimentos, e porque entraremos em ano eleitoral no Vasco, é preciso reforçar!

Segue o Decálogo de deveres aos candidatos à Presidência do Vasco, escrito pelo GB, já falecido, Pedro Valente  


DECÁLOGO PARA POSTULAR A PRESIDÊNCIA DO VASCO

1- Tem que ser vascaíno de raiz, nunca ter torcido ou servido a outro time. Não descaracterizar a nossa camisa, nossos símbolos e respeitar nossas tradições.

2- Não comprar votos, o que já demonstra tendência explícita à corrupção.

3- Tem que ter ficha limpa, experiência administrativa, saber se expressar e defender o Vasco como defenderia a própria vida.

4- Servir ao Vasco e não se servir do Vasco. Não roubar e nem permitir que roubem o Clube. Não praticar agiotagem emprestando dinheiro à agremiação, a juros extorsivos.

5- Não colocar parentes para trabalharem direta ou indiretamente no Vasco, mesmo que seja “sem remuneração”, nem permitir que familiares ou membros da administração, explorem lojas e franquias do Clube ou prestem serviços através de suas empresas e escritórios.

6- Obrigação de viabilizar patrocínios de alto nível e formar grandes equipes de futebol, basquete e remo. Ou pedir demissão, irrevogável e irretratável, ao término de 100 dias, juntamente com os dois outros vices administrativos.

7- Não aceitar que o Vasco ganhe nem um centavo a menos nas cotas de TV, que qualquer outro clube.

8- Não permitir que o estádio do Maracanã seja da dupla fla-flu.

9- Não abrir mão nos jogos de mando de campo em São Januário.

10- Não exercer nem se candidatar a cargo político de vereador, deputado e etc, durante a gestão, para não haver conflito de interesses, ficando o Vasco muitas vezes em plano secundário, a reboque de estratagemas eleitoreiros.

FONTE: www.netvasco.com.br/n/128183/pedro-valente-divulga-decalogo-para-postulantes-a-presidencia-do-vasco

   
   
 
 

Copyright © Todos os direitos reservados. | Newsphere by AF themes.